fbpx
planejamento estratégico empresarial planejamento estratégico empresarial

Planejamento estratégico empresarial: como fazer de forma eficaz!

8 minutos para ler

Caso sua atuação no segmento moveleiro já tenha iniciado —, em algum momento, você provavelmente já leu ou ouviu falar sobre o planejamento estratégico empresarial. Basicamente, esse é o pilar de sustentação de todo negócio, servindo também como uma estrutura para as atividades desempenhadas.

No entanto, fato é que conhecer o conceito não implica necessariamente compreender a sua tamanha relevância e nem mesmo como colocá-lo em prática. Por isso, neste post, o nosso intuito é explicar por que essa ferramenta é tão importante e elencar um passo a passo que o auxiliará a fazer o seu planejamento bem-feito, visando a melhores resultados. Continue a leitura e, de uma vez por todas, domine o tema!

O que é um planejamento estratégico empresarial e qual é a sua importância?

Em termos simples, é possível compreender o planejamento estratégico empresarial — por vezes, chamado de PE — como uma ferramenta imprescindível para qualquer empresa, independente do setor, que tenha o objetivo de crescer orientada por um propósito e de modo ordenado e sustentável. Ou seja, como o próprio nome já sugere, trata-se de um planejamento das ações estratégicas que serão executadas no intuito de atingir um determinado fim em um intervalo de tempo previamente definido.

Inclusive, a partir desse entendimento inicial, é possível afirmar que o PE deve ser periodicamente reformulado, mais precisamente quando findar o período inicialmente estipulado para o alcance dos resultados projetados. Isso porque, em suma, ele definirá os indicadores e as metas que irão apontar a direção em que o negócio deve seguir, além de uma metodologia para o monitoramento do vem dando certo ou não.

Nesse sentido, pode-se dizer que a sua importância reside, principalmente, no fato de que, ao não identificar o contexto em que está inserida, uma loja de mobiliário não saberá de que forma se comportar e nem mesmo aonde quer chegar e como o fará. Afinal, o planejamento estratégico empresarial é o mecanismo ao qual os gestores recorrem para direcionar todo o “modus operandi” do empreendimento e no qual se baseiam nas suas tomadas de decisão.

Isso quer dizer que, nos períodos mais críticos, por exemplo, o PE deve ser consultado para o realinhamento das ações. Além disso, também a partir dele, uma empresa poderá melhor direcionar os seus recursos de acordo com as suas necessidades, neutralizar as falhas e os eventuais riscos operacionais, projetar resultados futuros com um nível maior de precisão, desenvolver uma vantagem competitiva fortalecida e, inclusive, aproveitar mais oportunidades.

Qual é o passo a passo básico a ser observado para a estruturação do planejamento estratégico empresarial no segmento moveleiro?

Uma boa analogia para auxiliar na compreensão das melhores práticas para a estruturação de um planejamento estratégico empresarial eficaz é associá-lo à ideia de “arrumação da casa”. Ao longo de cada etapa que o constitui, pense que você está colocando cada coisa no seu devido lugar a fim de se preparar para aproveitar as oportunidades que irão surgir futuramente. Com isso em mente, a seguir, veja os passos básicos a serem considerados na elaboração do PE para a sua loja de móveis.

Inicie pelo propósito

No universo do empreendedorismo, um conceito relativamente conhecido é o do “círculo de ouro”. Em suma, a premissa a qual ele defende é de que, para vender uma ideia, é imperativo começar pelo “porquê” e, em seguida, explicar “o quê”. Ao final, então, chega-se ao “como”.

Um planejamento estratégico empresarial observa exatamente essa linha de pensamento, de modo que os primeiros componentes que o estruturam são as diretrizes estratégicas, ou seja, os “porquês”, contemplando:

  • os valores;
  • a missão;
  • a visão.

Faça a definição do modelo de negócio

O segundo passo é a definição do modelo de negócio. Nesse estágio, são determinadas diversas informações relevantes acerca da loja, como o que é o empreendimento, o que faz, para quem o faz etc. Para o sucesso das etapas seguintes, é essencial envolver nesse momento pessoas que conheçam a fundo a empresa — e o seu respectivo mercado — ou a ideia de organização que está em construção. Então, os pontos abaixo são definidos:

  • a proposta de valor, que está relacionada aos produtos e/ou serviços comercializados, às suas vantagens e aos seus diferenciais;
  • o segmento de público, que abrange o perfil de cliente que o empreendimento visa a atender e as suas peculiaridades;
  • os canais de vendas, de distribuição e de comunicação;
  • o relacionamento a ser estabelecido com os consumidores e de que forma ele se diferencia do tipo de atendimento prestado pela concorrência;
  • fluxo de receitas, que se trata de como e de quanto o público pagará pela proposta de valor;
  • os recursos-chave, que dispõem acerca daqueles exigidos para entregar aquilo que é ofertado, abarcando os financeiros, os materiais, o capital humano etc.;
  • as atividades-chave, que são as operações de maior relevância para a entrega da proposta de valor ao cliente;
  • as parcerias-chave, que são os parceiros, em geral, da loja — também fundamentais para a entrega da proposta de valor;
  • a estrutura de custos, que se trata das despesas gerais com as quais a empresa arca para manter a operabilidade no mercado.

Realize uma análise estratégica

Nessa fase, é chegada a hora de olhar o negócio de modo estratégico e compreender o seu posicionamento no setor em que se insere. Para tanto, é altamente recomendável utilizar a Análise SWOT (ou também conhecida como FOFA), que aponta os fatores internos e externos que influenciam os resultados projetos. São eles as forças, as fraquezas, as oportunidades e as ameaças.

Isso é importante para que você, empreendedor, reconheça os aspectos dos quais é possível tirar vantagem e que podem potencializar a sua performance e também aqueles que demandam um olhar mais cauteloso e precisam ser melhor trabalhados. Além disso, é fundamental revisitar esse análise periodicamente.

Estude o seu mercado de atuação

Um estudo bem-feito do seu mercado será o diferencial determinante para os estágios posteriores, afinal, conhecer e entender o seu público-alvo é vital para uma operação bem-sucedida. Nesse sentido, é interessante fazer uma pesquisa de mercado que envolva os consumidores e os potenciais clientes para compreender o seu perfil e, a partir disso, definir estratégias mais precisas.

Entretanto, não para por aí. Você pode aproveitar para fazer também um estudo da sua concorrência — ou seja, das lojas que atuam no mesmo nicho — para identificar quais são, os diferenciais que oferecem, onde estão localizadas etc. Lembre-se apenas de que o objetivo não é copiar o “modus operandi” dos demais estabelecimentos, mas, sim, tomá-lo como base para desenhar as melhores práticas a serem implementadas no seu negócio.

Defina o plano de ação para alcançar os objetivos propostos

Por fim, o PE é concluído com a estruturação de medidas bem pensadas e que levarão a loja ao patamar de sucesso esperado. Nesse estágio final, é imprescindível que os planos de ação sejam claros, no entanto, é comum que haja variações nos níveis de detalhamento e, inclusive, o desenvolvimento de algumas estratégias fora do próprio planejamento estratégico empresarial. O mais importante, a bem da verdade, é todas sejam fáceis de entender e bem fundamentadas para que possam ser colocadas em prática.

Como visto, o planejamento estratégico empresarial é uma ferramenta determinante para uma atuação bem-sucedida e para atingir os resultados projetados, independentemente do porte da sua empresa do setor moveleiro. Portanto, é imprescindível que você se dedique à sua estruturação e observe atentamente o passo a passo elencado neste post, pois, dessa forma, será possível desenhar o seu PE bem direcionado ao alcance de uma performance que viabilize o bom posicionamento da sua marca no seu nicho.

Este conteúdo foi útil? Pois aproveite a visita ao blog para assinar a nossa newsletter. Assim, você receberá as próximas publicações diretamente no seu e-mail. Vamos lá?!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.