fbpx
divisórias para escritórios divisórias para escritórios

Quais são os 6 principais tipos de divisórias para escritórios

6 minutos para ler

A otimização do espaço é algo indispensável para qualquer empresa, seja no armazenamento dos materiais, nas áreas comuns ou nos próprios escritórios — e há muitas possibilidades para garantir o melhor aproveitamento. Um bom exemplo é o uso de divisórias para escritórios, barreiras que separam mesas ou ambientes dentro do seu negócio.

A vantagem de utilizá-las vai desde o baixo custo em relação a uma parede de gesso ou alvenaria até a possibilidade de dividir o espaço de forma rápida, sofisticada e eficiente. Existem vários tipos disponíveis, cada um com suas próprias qualidades.

Para ajudar você a entender melhor o assunto, vamos falar um pouco sobre a importância das divisórias para escritórios e quais são os principais modelos existentes e o melhor modelo para seu ambiente. Acompanhe.

Qual é a importância das divisórias em um escritório?

Mesmo que seja algo sutil, o uso correto das divisórias em um projeto de ambiente corporativo pode fazer uma grande diferença no local de trabalho. Confira a seguir algumas vantagens.

Organizar o ambiente

A primeira função de uma divisória, como você já deve imaginar, é setorizar o ambiente, criando espaços bem definidos de acordo com suas funções. Elas podem ser usadas para separar ambientes, criar salas separadas ou dividir espaços entre mesas.

Isso ajuda a organizar o ambiente de forma clara, torna o acesso mais fácil para os clientes, evita deslocamento desnecessário e perda de tempo no trabalho. Tudo isso sem ser necessário fazer a divisão física do local.

Conforto acústico

Outra vantagem do uso de divisórias para escritórios é a possibilidade de oferecer conforto acústico. Elas ajudam a reduzir os sons de outros locais como áreas comuns, setores que usam muito o telefone, favorecendo assim o foco nas atividades.

Privacidade

Um uso secundário das divisórias para escritórios é também o de oferecer privacidade para determinadas atividades.

Uma reunião sigilosa, uma conversa particular, um telefonema ou mesmo assinar contratos exigem ambientes reservados. Mesmo que sejam divisórias em vidro, por exemplo, elas podem oferecer essa função.

Para outros ambientes, por exemplo, quando o escritório fica localizado no mesmo imóvel que a loja e o estoque, pode ser interessante incrementar essas divisórias, implementando um sistema de acesso mais robusto.

Ergonomia

A ergonomia tem como principal função tornar o local de trabalho mais agradável da forma que melhore a saúde e o bem-estar do colaborador.

As divisórias podem ajudar, oferecendo um ambiente confortável e funcional, onde as pessoas se sintam valorizadas e consequentemente mais focadas e mais produtivas.

Mesmo com os ambientes separados por divisórias, é possível ainda manter a comunicação e resolver pendências de forma mais rápida e eficaz.

Quais os principais tipos de divisórias para escritórios?

Agora que você sabe a importância das divisórias para escritórios, o próximo passo é conhecer os tipos de divisórias e suas principais qualidades. Confira as principais e como podem ser usadas.

1. Divisória de vidro

Esse é um dos materiais mais comuns para criação de divisórias. O principal motivo que explica essa preferência, é que traz sensação de sofisticação ao ambiente. Além disso, por ser transparente, traz a sensação de ampliação do espaço, dando a impressão de que são maiores do que realmente são, trazem leveza e modernidade, além de permitir a economia de energia elétrica, já que possibilita maior luminosidade ao ambiente.

2. Divisória de madeira

Se você quer que ao menos algumas salas tenham um tratamento um pouco mais elegante, então as divisórias de madeira serão bem úteis. Elas podem vir em placas de madeira maciça, que são mais resistentes, duráveis e de diversas espessuras; ou serem feitas de MDF ou MDP, que têm menor custo e são fáceis de instalar, mas ainda podem ter um revestimento com boa aparência.

Um atrativo desse tipo de material é o isolamento acústico, devido ao fato da madeira absorver o som de forma eficiente.

3. Divisória de drywall

O drywall é uma placa de gesso comum, laminado ou cartonado, o qual é montado sobre um esqueleto de aço. Em alguns casos, é usado sulfato de cálcio hidratado no lugar do gesso. Ele exige uma manutenção periódica, mas oferece um ótimo isolamento térmico e pode receber tratamento adequado para compor o ambiente.

Seus atrativos são a praticidade e a facilidade de limpeza.

Ao escolher, opte por modelos que impeçam a propagação de fogo em caso de incêndios.

4. Divisória de metal

Um material pouco comum para divisórias para escritórios, mas que tem ganho maior aderência de diferentes empresas nos últimos anos.

Há dois principais motivos para isso. Primeiro, metais como o ferro e o aço são relativamente fáceis de trabalhar, bastando criar algumas placas e encaixá-las em um molde. Segundo, o material em si dá um ar mais moderno, urbano e industrial ao escritório, beirando a ficção científica em alguns casos.

5. Divisória de PVC

O PVC é um material bem versátil, o qual permite montar uma divisória de forma rápida e eficiente. Uma de suas vantagens é a facilidade de limpeza, exigindo apenas um pouco de água e material adequado. Também é um investimento mais acessível quando comparado à grande maioria das alternativas disponíveis. É importante ter em mente que, ao escolher o modelo, aqueles que impedem a propagação de fogo devem ter sua preferência.

Em tempos de distanciamento, esse tipo de divisória traz mais segurança sem perder o contato visual com as outras pessoas e o ambiente.

6. Divisória naval

O nome pode parecer um pouco estranho à primeira vista, mas é, sem dúvida, o tipo mais comum entre as divisórias para escritórios, assim como em vários outros espaços. Trata-se de uma estrutura de aço lisa modulada, a qual pode ser usada para criar diversas pequenas salas com baixo custo de instalação. Além disso, por ser mais neutra, possibilita diversas adaptações e modificações.

Com essas informações, você já está melhor preparado para escolher as melhores divisórias para escritórios disponíveis. Basta pesquisar um pouco e ter o melhor fornecedor para definir quais delas serão mais úteis em seu contexto.

Este post, com certeza, pode ajudar mais pessoas a escolherem as divisórias certas para os ambientes corporativos. Aproveite, então, e compartilhe-o em suas redes sociais!

Posts relacionados

Deixe um comentário